Organização

2017: o ano em que eu larguei a agenda de papel

Todo ano era a mesma coisa. Comprava uma agenda linda, enfeitava ela toda, colocava todos os meus dados pessoais, planejamentos e tudo mais, e lá pelo mês de abril eu já nem lembrava que ela existia. A questão é que eu tinha preguiça de carregar aquele peso todos os dias na mochila, além de também ter preguiça de pegar ela pra marcar as coisas. O que me fez pensar em uma alternativa mais viável.

Continue lendo “2017: o ano em que eu larguei a agenda de papel”