Textos

A carta de amor que nunca enviei

Nossos corpos se conectam como um vulcão em erupção. Sinto tua boca na minha e já me arrepio toda. Mesmo depois de tanto tempo a nossa química é tão forte, e a física então? Sem comentários. Além de o nosso amor só ter aumentado, fazendo com que possamos aprender mais e mais um com o outro, nos descobrir, nos encontrar, nos permitir e crescer a partir dos nossos erros e acertos.

Se me perguntarem o que é o amor, só me vem o seu nome em mente. Nada precisa de definição quando sentimos que somos capazes de amar e fazer qualquer coisa para ver aquela pessoa feliz. Sei que o amor é algo delicado, perigoso, explosivo, mas quero correr este risco, se for com você.

Preciso das suas mãos nas minhas, da sua respiração tão forte quando nos perdemos um no corpo do outro na tentativa louca de se satisfazer. Sinto que nunca fui tão feliz como sou hoje, pois sei que tenho ao meu lado o companheiro que sempre procurei, que independente de tudo sempre esteve ao meu lado me dizendo as palavras que eu precisava ouvir.

Teus braços quando envolvem meu corpo, me protegem de tudo o que amedronta, como se tudo com você pudesse ser infinito, como se todo o tempo do mundo não fosse suficiente para esse amor. Não poderia duvidar que esse sentimento é para sempre, e mesmo sem te dizer todas essas coisas, sei que você sabe disso, pois te digo com o meu olhar, com a minha alma, com o meu coração.

Não te enviei esta carta pois, essas palavras ainda não foram capazes de demonstrar meu amor por ti, e talvez não a envie, pois as palavras nunca serão necessárias enquanto estiver aceso o fogo que existe entre nós. Só quero que saiba que andei pensando em você, e quando o faço, gosto de colocar estes pensamentos no papel, como uma tentativa desesperada de me controlar.

D. 07/10/2007

Anúncios

16 thoughts on “A carta de amor que nunca enviei”

  1. Achei seu texto inspirador para esse dia dos namorados. Cada relação é única, cada pessoa sabe dos seus relacionamentos, mas acho que os sentimentos de forma geral são bem amplos, o suficiente para que qualquer pessoa que em algum momento tenha sentido algo semelhante em algum momento da vida também compreenda essa sensação. Aliás, sensações hehe. Acabei de conhecer seu blog e adorei ❤
    Fiz o meu recentemente, ainda não entendo muito da plataforma do wordpress haha, mas caso queira conhecer o meu também, aqui o link: quedasetropecos.wordpress.com.
    Um bom dia para ti 🙂

    Curtido por 1 pessoa

    1. Amei a sua definição, realmente é isso mesmo *-*
      Obrigada pela visita e por esse comentário lindo, vou dar uma olhadinha no seu blog também. Já sei que vou gostar *-*

      Beijinhos, bom dia pra você também!

      Curtido por 2 pessoas

  2. Socorro!!!! Tô encantada por esse tema, espero que se eu usar temporariamente até arranjar um dinheiro, você não se importe?! Caso contrário me avise pra eu trocar!!!!! Hahahha MARAVILHOSO1! E sua foto também ♡

    Curtido por 1 pessoa

    1. Tu vai em configurações, daí seleciona o campo ”mostrar conteúdo relacionado aos posts” e as duas opções dele: “mostrar cabeçalho relacionado”… e “use um layout grande”

      Curtido por 1 pessoa

Diga o que pensa :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s